Secretária: profissão, trabalho ou paixão?



Versão para Impressão Versão para Impressão

RuimRegularBomÓtimo (Nenhuma avaliação)
Loading ... Loading ...

Você se considera uma secretária eficiente? Muitos já disseram que essa profissão iria acabar no final do século XX,  e que mesmo agora, no XXI, haveriam poucas secretárias atuando porque o mundo se modernizou,os chefes e as empresas também e, consequentemente, com a alta tecnologia, cada vez mais presente, a Secretária seria desnecessária para as empresas.

É bem verdade que,  até pouco tempo atrás, era comum ver um diretor com uma Secretária exclusiva, e gerentes de alto escalão dividindo o trabalho de suas secretárias com  gerentes de menos destaque ou mesmo com outros profissionais em cargos inferiores aos deles.

Hoje, em uma empresa de 200 funcionários ou mais, existem, no máximo,  umas 3 ou 4 Secretárias. São profissionais que atendem ao presidente, vice-presidente e diretores. Muitas vezes, são emprestadas para auxiliar as equipes desses diretores também, que abrangem gerentes, coordenadores e assistentes, ou seja, não é uma tarefa fácil e também não é para qualquer uma que queira se candidatar a esse posto. É preciso muito equilíbrio emocional e competência!

É nítido e notório que elas são fundamentais  sim em uma empresa de destaque. Afinal, quando a tecnologia falha ou quando a energia acaba, quem é chamada para dar um jeito imediatamente? Seja para chamar um técnico ou mesmo para tentar contornar a situação?

É por isso que, com o avanço da tecnologia, as Secretárias antenadas também devem acompanhar e entender das novas ferramentas para que possam sempre estar aptas para resolver qualquer problema.

Essas são as chamadas profissionais que têm paixão pelo que fazem. Abraçam a profissão com entusiasmo, energia, responsabilidade e muita  determinação.

Cada vez mais elas estudam,  participam de grupos, trocam ideias para se aperfeiçoarem na profissão, fazem cursos diversos, estudam idiomas, aprendem novas tecnologias em informática, reciclam seus conhecimentos nas universidades ( pós-graduação, mestrado ou mesmo em outro curso universitário) . E, quando acham necessário, se matriculam em cursos alternativos como ioga, bordado, pintura, dança, etc. para liberar o estresse causados pelas tensões e pressões do dia a dia.

Como recompensa,  são promovidas, muitas vezes até a cargos de chefia ou gerência,  recebem aumento de salário,  são reconhecidas pela empresa e são muito, mas muito valorizadas.

Outras, porém, têm apenas um trabalho que lhe rendem um salário mensal e existem as que tem uma profissão, que se formaram para ser Secretárias e, com o passar dos anos, se desmotivaram e/ou decepcionaram com a rotina.

Ambas estão descontentes com a profissão; muitas vezes descobrem que não se identificam em nada com o que fazem, e, consequentemente, não sentem o mínimo prazer em realizar suas tarefas. Elas até querem mudar de profissão, mas não sabem por onde começar.

Outras vezes, porém, muitas secretárias iniciam sua profissão com aquela energia toda, paixão, mas que, com o passar dos anos,  já não se sentem tão motivadas como antes, talvez pela falta de reconhecimento da empresa ou então pelo sentimento de que aquele trabalho não lhe traz mesmo mais nenhuma alegria.

É por isso que é fácil identificar uma Secretária que tem paixão pelo que faz das que têm apenas um trabalho ou uma profissão. Há um brilho no olhar e alegria ao acordar todo dia para ir à empresa, enquanto as outras executam sua tarefa de forma automática e enfadonha.

Todos nós temos momentos de dúvida quando abraçamos uma profissão ou quando nos dedicamos a um trabalho, pois nunca sabemos ao certo se é aquele caminho mesmo que queremos seguir.  Afinal, quem disse que devemos exercer a mesma profissão a vida inteira?

Se você está nessa situação, se tem dúvida, pare, pense e saia da zona de conforto. Analise o seu cotidiano, pense se está desmotivada, se gostaria de trabalhar em outra coisa,  se tem habilidade para exercer outra atividade  (que muitas vezes está adormecida) que lhe traga realmente satisfação e paixão. Se você mudar e mesmo assim perceber que aquela ainda não é a profissão que deseja, tente de novo, até encontrar. Afinal, você não tem nada a perder, ou melhor, você já perdeu muita energia e tempo da sua vida com algo que não lhe trouxe satisfação alguma.

Quantas não são as profissionais, não só secretárias, que passaram a se dedicar a outra atividade nos finais de semana por hobby, e hoje,  se dedicam em tempo integral à nova profissão?

Se assim decidir, deixe  sua vaga de secretária para quem realmente gosta da profissão. Tanto você quando ela se beneficiarão, tenho certeza!

Só assim você sentirá  uma paz interior e uma alegria exterior que nunca pensou que pudesse ter. Nesse momento, perceberá que está no caminho certo e todos, a sua volta, sentirão essa energia. Afinal de contas, ainda temos muita coisa para viver e fazer nessa vida!

Boa sorte!

Bookmark and Share
VN:F [1.9.3_1094]
Rating: 4.5/5 (6 votes cast)
Secretária: profissão, trabalho ou paixão?, 4.5 out of 5 based on 6 ratings
RuimRegularBomÓtimo (Nenhuma avaliação)
Loading ... Loading ...

Versão para Impressão Versão para Impressão
Compartilhe:
  • Twitter
  • Technorati
  • del.icio.us
  • Digg
  • Facebook
  • LinkedIn
  • dihitt
  • Rec6
  • Live
  • Google Bookmarks

Comentários (4)

Michellejaneiro 27th, 2011 - 17:48

Gostei! Espero ser bem sucedida nesta profissão que desejo seguir.
Beijos e obrigada.

VA:F [1.9.3_1094]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
VA:F [1.9.3_1094]
Rating: 0 (from 0 votes)
Mirian Nasserjaneiro 27th, 2011 - 18:17

Olá, Michelle!

Obrigada pelo seu interesse e também lhe desejo boa sorte em sua profissão!

Um abraço.

Mirian

VN:F [1.9.3_1094]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
VN:F [1.9.3_1094]
Rating: 0 (from 0 votes)
suzanamaio 2nd, 2012 - 14:41

Custa muito ser uma boa secretária, mas penso que vale a pena tentar e voltar a tentar.

VA:F [1.9.3_1094]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
VA:F [1.9.3_1094]
Rating: 0 (from 0 votes)
Mirian Nassermaio 2nd, 2012 - 16:15

Olá, Suzana!

É verdade! Em qualquer profissão é necessário muito empenho, dedicação e aperfeiçoamento contínuo.
Um abraço.

Mirian

VN:F [1.9.3_1094]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
VN:F [1.9.3_1094]
Rating: 0 (from 0 votes)

Deixe um comentário

Seu comentário

Produzido por Quintal Brasil | SEO - Site Otimizado por Quintal Brasil | Feito em Feito em Wordpress